WordPress Theme

Notícias

15 de Dezembro de 2014

Beber moderadamente depois dos 60 anos pode ajudar a melhorar a memória


 Para pessoas com 60 anos ou mais que não têm demência, o consumo de álcool moderado está associado com uma melhora da memória episódica — a capacidade de recordar acontecimentos específicos —, indica um estudo realizado pelas universidades do Texas e de Maryland, nos Estados Unidos.

Se consumido moderadamente, o álcool também foi relacionado a um maior volume no hipocampo, a região do cérebro responsável pela memória.


O estudo se baseou em dados de mais de 660 pessoas que responderam questionários sobre o consumo de álcool, passaram por uma bateria de exames neuropsicológicos e realizaram ressonância magnética de seus cérebros.


Pesquisas semelhantes realizadas com animais sugerem que a ingestão de bebidas alcoólicas promove a geração de novas células nervosas no hipocampo. Além disso, pode aumentar a liberação de substâncias químicas relacionadas com a capacidade cognitiva, ou processamento de informações.


Os benefícios, segundo os pesquisadores, valem para o consumo moderado de álcool. Segundo eles, abusar da bebida em determinadas ocasiões é prejudicial para o cérebro.